25 Junho    



 

“Mas eu digo a vocês que estão me ouvindo: Amem os seus inimigos, façam o bem aos que os odeiam.”

Lucas 6:27

Pensamento: Amar seu inimigo? Ninguém faz isso facilmente. Tem que ser um ato de vontade. O verbo "amar" aqui é um imperativo. É uma ordem. Ela é cumprida não no aconchego de um sentimento florido, mas, na luta para resgatar um filho perdido de seu Pai. Deus lhe escolheu para amar um filho dEle? É seu inimigo? Pode ser que na vida daquela pessoa não haja ninguém melhor que você para comunicar o amor profundo de Deus. Tem motivos para sentir raiva ou revolta? Talvez seja por isso que você seja o candidato mais convincente para comunicar o amor do Pai a essa pessoa. Confie em Jesus. Ele sabe o quanto custa amar seus inimigos. Você lembra o quanto ele pagou para amar a mim e a você quando nós ainda éramos inimigos dele?

Oração: Pai bendito, se Jesus podia amar seus inimigos, certamente eu posso amar os meus. Dê-nos um amor poderoso o bastante para romper todas as barreiras, inclusive aquela dentro dos nossos corações. Em nome de Jesus oramos. Amém. || Veja a imagem especial: http://www.iluminalma.com/img/il_mateus5_43-45.html

Dennis Downing é o autor do devocional diário "Jesus disse...",
Copyright © 2006-2009, Dennis Downing. Todos os direitos reservados. As citações bíblicas são da Nova Versão Internacional (Nda Sociedade Bíblica Internacional (www.sbibrasil.org.br), salvo indicação em coário.