22 Abril    



 

O tentador aproximou-se dele e disse: “Se és o Filho de Deus, manda que estas pedras se transformem em pães”. Jesus respondeu: “Está escrito: ‘Nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus’”.

Mateus 4:3-4b

Pensamento: Tornar pedras em pão não seria pecado. Ao invés de tentar Jesus com algo proibido, Satanás o tentou com algo expediente. A tentação era justamente para usar seu poder para seu próprio benefício. Nada mal, nada errado. Mas, quem estava pedindo? Jesus estava determinado a viver uma vida, não em função das suas necessidades ou desejos, mas, do serviço exclusivo a Deus! Jesus se recusa a fazer milagres para se alimentar quando passa fome (v.2), mas, fará um milagre para alimentar milhares (14:13-21; 15:29-39). Ele não tornará as pedras em pão para si mesmo (4:3-4), mas, ele dará seu corpo como pão para o povo de Deus (26:26). A comida que Jesus quer é de fazer a vontade do Pai (João 6:35). Vamos buscar também esta comida. Nenhuma outra nos alimentará. Nenhuma outra nos dará vida. E, cuidado com aquele pedido ou aquela sugestão. Pode ser muito prático ou expediente. Mas, no final das contas, quem é que será servido?

Oração: Gracioso Pai, tudo que Jesus fazia e até o que ele recusava fazer fala volumes do amor que ele tem por nós. Certamente não compreendemos nem de longe tamanho amor. Porém, agradecemos mais uma vez esta pequena lembrança de um amor maior que o universo. Louvado seja seu filho Jesus. Que possamos viver cada dia para servir a ele como ele nos serviu. É no honrado nome de Jesus que oramos e agradecemos. Amém.

Dennis Downing é o autor do devocional diário "Jesus disse...",
Copyright © 2006-2008, Dennis Downing. Todos os direitos reservados. As citações bíblicas são da Nova Versão Internacional (Nda Sociedade Bíblica Internacional (www.sbibrasil.org.br), salvo indicação em coário.